Etiquetas » Poema

Líquidos, surdos e cegos

Da nossa eterna alegria, você, fatídico símbolo!

Resgate da insanidade, batizado frívolo,

Não imagina que perante a promessa fluida do amor

Eu conceda à murcha flor fértil chuva de louvor! 192 palabras más

Poemas

Amplitude

Olhos de chumbo, aprisionem estas últimas lágrimas de distante fonte, hoje que a

Lembrança na lápide tornou-se translúcida; agora não há mais coração; e o que era… 113 palabras más

Poemas

é pelas bordas que se habita uma concha

não sei se te encontro por terra ou por mar. na dúvida, tento um primeiro mergulho. que a sua espécie é solitária, não me surpreende. fico pensando como sabe quando é a hora de encontrar uma nova casa – começo a mergulhar agora – se te encontrar, queria te falar sobre a minha concha, te ensinar que numa concha os armários e as estantes precisam subir nas paredes. 22 palabras más

Poesia

Blisters

Voy a regalar agujas y a proponer que nos reventemos las llagas mútuamente,

que todos sabemos que si te cura otro duele más

pero hacerlo uno mismo requiere más valor.

Inspiring

Tempos idos são tempos sanos

Tempos idos são tempos sanos,

Tempos por vir é que serão insanos.

 

Prosas e poemas a caminhos idos

Tantos ouvimos, nem tantos lembramos,

De pedras que tinham andamos esquecidos, 45 palabras más

Escrita

Tudo tão de repente

Imensa flor reluzindo em dourado e amarelo este crepúsculo de mim; meu sol está

Desligado; meu crepúsculo não é o mesmo que produziu orvalhos em teus olhos, mas… 93 palabras más

Poemas